Pesquisar este blog

sexta-feira, 28 de março de 2014

COMO CHUMBO




Eu tenho um animal de estimação, meu lindo e tão amado gatinho Tiquinho, e por mais que eu tente domesticá-lo; ele não cede aos meus caprichos e vontades, e mantém  o seu instinto, maior natureza. Ele passa dormindo quase o dia todo, e fica na maior preguiça, só acordando ocasionalmente; mas quando chega a noite, ele muda completamente o seu comportamento querendo brincar, correr, se alimentar mais vezes, exigindo muito mais atenção de nós. O problema que ele não consegue entender que somos diferentes dele (eu e minha filha); e ele nos acorda, várias vezes, durante a noite, para atender as suas vontades e  os seus caprichos; mas arcarmos com esses inconvenientes em virtude do prazer e da alegria que ele nos proporciona.
 
Assim é  a natureza do meu gatinho, com certeza, se ele estivesse na rua, a noite, seria o momento que ele sairia  para caçar;  assim  como é da natureza do escorpião picar;  e assim como é nossa natureza pecaminosa; sempre propensa a praticar abominações, a cometer rebeldias, idolatrias, desagradando a Deus. Querendo sempre satisfazer a nossa carne, alimentando a nossa velha natureza ''adâmica''.

 Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus; Romanos 3:23

O Príncipe do pregadores Charles H. Spurgeon nos legou um pensamento precioso que compara o pecado como talento de chumbo, que  torna os homens pesados, acorrentados, presos a um peso enorme desnecessário.
 
''O pecado deles é como talento de chumbo; e isto deve pendurar-se o seu pescoço como pedra de moinho''.
 
No Cântico entoado por Moisés em louvor e ação de graças a Deus pela vitória estrondosa e esmagadora concedida em  favor do seu povo, dando livramento contra o jugo opressor do Faraó;  ele também faz essa comparação em relação aos seus inimigos, os egípcios, que afundaram como chumbo nas águas profundas do Mar Vermelho.
 
Sopraste com o teu vento, o mar os cobriu; afundaram-se como chumbo em veementes águas. Êxodo 15:10
 
O profeta Ezequiel faz a mesma comparação que o seu povo se tornaram como escórias (sendo bronze, estanho, ferro e chumbo) e seriam lançados ao forno, fundidos, punidos e recairiam sobre eles a ira e o julgamento de Deus. Também ele faz um relato, um panorama macabro da cidade de Jerusalém, uma cidade sanguinária, violenta e cheia de iniquidades-- e os seus habitantes, um povo rebelde, imoral, idolatra, desobediente a Deus.
 
Filho do homem, a casa de Israel se tornou para mim em escórias; todos eles são bronze, e estanho, e ferro, e chumbo no meio do forno; em escórias de prata se tornaram.

Como se ajuntam a prata, e o bronze, e o ferro, e o chumbo, e o estanho, no meio do forno, para assoprar o fogo sobre eles, a fim de se fundirem, assim vos ajuntarei na minha ira e no meu furor, e ali vos deixarei e fundirei. Ezequiel 22:18, 20

O profeta Zacarias também alerta os povo de Israel quanto a sua imoralidade e o seu declínio moral e espiritual gritante; provocando a rebelião e a perda da comunhão com o Senhor; recaindo sobre eles o juízo de Deus. A mulher citada por ele representa as idolatrias e iniquidades cometidas por seu povo. E  ela sendo presa numa tampa de chumbo e sendo levada para Babilônia-- o que aconteceria com seu povo, que seriam deportados e removidos daquela terra.

 E eis que foi levantado um talento de chumbo, e uma mulher estava assentada no meio do efa.

E ele disse: Esta é a impiedade. E a lançou dentro do efa; e lançou sobre a boca deste o peso de chumbo. Zacarias 5:7-8

Lendo e relendo esses versículos percebo que essas comparações feitas por homens, servos de Deus, retratam o quanto os pecados nos sobrecarregam de vergonhas, de humilhações, de pesos desnecessários, e também  nos fazem afundar como chumbo num mar de corrupções e iniquidades. Sempre temos de ter em mente que Deus é fiel, e podemos nos arrepender e clamar por Sua absolvição e  a Sua misericórdia, em nome do Seu Filho amado Jesus Cristo, o nosso Mediador e o nosso Intercessor; e Ele nos purificará das nossas escórias, resquícios do chumbo pesado. Isaías 1:25
 
Deixo para vocês as palavras de Jonathan Edwards que faz a mesma comparação entre os pecados do homem que são pesados como chumbo; por favor, leiam e releiam essas palavras e vocês perceberão  a gravidade das nossas iniquidades e as benignidades de Deus, em ser, tão longânimo conosco.
 
 

''Vossas iniquidades vos fazem pesados como chumbo, pendentes para baixo, pressionados em direção ao inferno pelo próprio peso, e se Deus permitisse que caíssem vocês afundariam imediatamente, desceriam com a maior rapidez, e mergulhariam nesse abismo sem fundo. Vossa saúde, vossos cuidados e prudência, vossos melhores planos, toda a vossa retidão, de nada valeriam para sustentar-vos e conservar-vos fora do inferno. Seria como tentar segurar uma avalancha de pedras com uma teia de aranha. Se não fosse a misericórdia de Deus, a terra não suportaria vocês por um só momento, pois são uma carga para ela. A natureza geme por causa de vocês. A criação foi obrigada a se sujeitar à escravidão, involuntariamente, por causa da vossa corrupção. Não é com prazer que o sol brilha sobre vocês, para que sua luz vos alumie para pecarem e servirem a satanás. A terra não produz de bom grado os seus frutos para satisfazer vossa luxuria. Nem está disposta a servir de palco à exibição de vossas iniqüidades. Não é voluntariamente que o ar alimenta vossos corpos, mantendo viva a chama dos vossos corpos, enquanto vocês gastam a vida servindo os inimigos de Deus. As coisas criadas por Deus são boas e foram feitas para o homem, por meio delas, servisse ao Senhor. Não é com prazer que prestam serviço a outros propósitos, e gemem quando são ultrajadas ao servirem objetivos tão contrários à sua finalidade e natureza. E a própria terra vomitaria vocês se não fosse a mão soberana dAquele a quem vocês tanto tem ofendido. Eis aí as nuvens negras da ira de Deus pairando agora sobre vossas cabeças carregadas por uma tempestade ameaçadora, cheia de trovões. Não fosse a mão restringidora do Senhor, elas arrebentariam imediatamente sobre vocês. A misericórdia soberana de Deus, por enquanto, refreia esse vento impetuoso, do contrário ele sobreviria com fúria, vossa destruição ocorreria repentinamente, e vocês seriam como palha dispersada pelo vento"
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

terça-feira, 25 de março de 2014

EU CHORE MUITAS PITANGAS




Já tive alguns momentos em minha vida, que me sentir tão mal, completamente absorvida pela dor, pelo sofrimento dilacerante que me oprimia o peito; e uma forma de amenizá-lo foi chorando, chorando... Desejando que as minhas lágrimas transbordassem, transformassem em oceano e me tragassem, e levassem, pra bem longe, a minha vergonha, maior opróbrio.
 
Mas aprendi, as duras penas, na minha íngreme caminhada, que poderia me enchafurdar em lágrimas, em sentimentalismos, querendo sensibilizar e mover a Deus, em meu favor;  não adiantava tristezas, lamentos, murmurações. Quanto tempo perdi, em não reconhecer que precisava urgentemente me arrepender das minhas iniquidades, tomar sobre mim a responsabilidade das minhas más escolhas; e o mais importante precisava clamar a misericórdia de Deus, que Ele me perdoasse o quanto tinha sido tola, insana e vil pecadora.
 
É estarrecedor e muito doloroso, quando nos damos conta, que estamos sozinhos, que devido as nossas vilezas, perdemos a comunhão com Deus,  que desprezamos o sacrifício perfeito de Cristo,  afugentamos a presença do nosso amigo Consolador. Eu já vivi uma experiência assim no passado, uma única vez,  e posso afirmar foi terrível a sensação, um prenúncio do inferno-- um só segundo, sem a presença de Deus, é como se eu estivesse, em queda livre, rumo ao abismo sem fim.
 
E naquele momento funesto, cheio de trevas na minha vida, como chorei, diante da leitura de versículos que traduziam a mesma dor que eu estava sentindo, justamente o sensível e apelidado profeta chorão Jeremias, ele conseguiu, inspiradíssimo pelo Espírito Santo, traduzir em palavras a devastação e declínio moral do seu povo. E o mais grave ausência do Consolador, sem os inspirarem, sem os guiarem, nem os consolarem; entregues totalmente aos desesperos, as animalidades, a luta diária pela sobrevivência e subsistência;  completamente impotentes nas mãos dos opressores, inimigos de Deus.
 
A sua imundícia está nas suas saias; nunca se lembrou do seu fim; por isso foi pasmosamente abatida, não tem consolador; vê, Senhor, a minha aflição, porque o inimigo se tem engrandecido.
 
Por estas coisas eu ando chorando; os meus olhos, os meus olhos se desfazem em águas; porque se afastou de mim o Consolador que devia restaurar a minha alma; os meus filhos estão assolados, porque prevaleceu o inimigo. Lamentações 1: 9, 16
 
Mas graças a misericórdia de Deus, Ele não me abandonou aos meus antagonistas, e ouviu os meus clamores, e  sondou o meu íntimo percebendo toda a sinceridade das minhas palavras, do meu arrependimento que me fazia me sentir suja, completamente miserável, sem ser digna de ser chamada de filha. Foi preciso que eu me humilhasse e cresse piamente que estava sendo perdoada e resgatada das tenebrosas trevas.
 
Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai das misericórdias e o Deus de toda a consolação; 2 Coríntios 1:3
 
E Deus derramou Suas inesgotáveis benignidades sobre mim, me consolando profusamente,  me  levantando do monturo, me dando o devido escape, o livramento de morte, me livrando de todo o mal e dos meus opressores. 
 
Mostra-me um sinal para bem, para que o vejam aqueles que me odeiam, e se confundam; porque tu, Senhor, me ajudaste e me consolaste. Salmos 86:17
 
Eu, eu sou aquele que vos consola; quem, pois, és tu para que temas o homem que é mortal, ou o filho do homem, que se tornará em erva? Isaías 51:12

Eu clamo que eu chore muitas pitangas, como se diz num ditado popular, não só que os meus olhos fiquem vermelhos de tanto chorar; mas que eles sejam lavados com o Sangue precioso de Jesus Cristo,  para que  nenhuma situação obscureça a minha visão, e que eu enxergue a verdade-- quando eu estiver me desviando do Seu amor, e da vontade soberana do Pai pra minha vida.  E o Espírito Santo seja o alarme que sempre me avise e alerte a me desviar das veredas perniciosas e traiçoeiras; e a Sua graciosa e benéfica presença me guie perseverantemente a andar pelo caminho pleno e seguro que me leva, sem nenhum atalho, rumo a  Nova Jerusalém. 
 
E que a minha esperança não seja malograda, apesar dos inúmeros percalços; conservando a minha fé e a firme convicção de receber a coroa da vida, gozando de todos os benesses do Reino dos Céus.
 
E a nossa esperança acerca de vós é firme, sabendo que, como sois participantes das aflições, assim o sereis também da consolação. 2 Coríntios 1:7
 
Porque o SENHOR consolará a Sião e consolará a todos os seus lugares assolados, e fará o seu deserto como o Éden e a sua solidão com o jardim do SENHOR; gozo e alegria de acharão  nela, ações de graças e voz de melodia. Isaías 51:3
 
 
 
DEUS DE TODA CONSOLAÇÃO
 
 
                                     Charles Haddon Spurgeon
 
 
 
 
 
''Deus, que conforta os abatidos''.

2 Coríntios 7:6




Quem pode confortar como Deus? Procure algum dos filhos de Deus que esteja em abatimento, melancolia e aflição. Conte-lhe esta promessa tão agradável e sussurre aos ouvidos dele palavras excelentes de consolação. Ele é como um surdo, não pode ouvir. Está em desespero. Conforte-o como você pode e receberá dele apenas um suspiro de resignação. Você não produzirá salmos de louvor, aleluias ou sonetos alegres.

Permita que Deus venha ao encontro de seu filho e levante o rosto em direção a ele; então, os olhos do lamentador resplandecerão com esperança. Você não o ouve cantar? Você não pôde animá-lo, mas o Senhor mesmo o fez. Ele é o "Deus de toda consolação" (2 Coríntios 1.3).

Não há qualquer bálsamo em Gileade, mas existem bálsamos em Deus. Não existe um médico verdadeiro entre as criaturas, mas o Criador é Jeová-Rapha, o SENHOR que sara (ver Êxodo 15.26). É maravilhoso como uma palavra tão doce do vocabulário divino produz canções alegres nos crentes. Uma palavra de Deus é como uma imensa pepita de ouro. O crente é o ourives e pode lapidar esta promessa por semanas.

Crente, você não precisa viver no desespero. Busque o Consolador e peça-Lhe consolação. Você é um poço pobre, seco. Você já deve ter escutado que uma bomba-d'água seca precisa, antes de tudo, receber um pouco de água, para que bombeie novamente. Crente, quando você estiver seco, busque a Deus e peça-Lhe que transborde a alegria dEle em seu coração; assim, a sua alegria será completa.

Não procure pessoas conhecidas, você descobrirá que elas são semelhantes aos consoladores de Jó. Em primeiro lugar, busque a Deus, "que conforta os abatidos". Logo você dirá: "Nos muitos cuidados que dentro de mim se multiplicam, as tuas consolações me alegram a alma" (Salmos 94.19).
 

 
 
 
 
 
 






segunda-feira, 24 de março de 2014

COMO PEDRAS DE DOMINÓ

 



Ontem fiquei pensando persistentemente que quando enfileiramos as pedras de dominó, uma atrás da outra, e se tocarmos, apenas, em uma delas, sucessivamente todas as outras são derrubadas, numa cadência estrondosa até que a última pedra esteja caída. Podemos realizar essa experiência, inúmeras vezes,  e acontecerá a mesma coisa, e sempre obteremos o mesmo clímax e resultado.
 
Não pude deixar de comparar as pedras de dominó, com nós, cristãos(ãs), pois somos muitos membros, individualmente e  interligados uns aos outros, mas fazemos parte de  um só corpo em Cristo. Romanos 12:5. 
 
O que afeta um membro afeta o outro, se padecemos, reflete em outro membro, e ele também sofre conosco. Assim como, se um membro se alegra e é honrado, os outros membros se regozijam por sua conquista,  superação do seu maior desafio.
 
De maneira que, se um membro padece, todos os membros padecem com ele; e, se um membro é honrado, todos os membros se regozijam com ele. 1 Coríntios 12:26
 
Então devemos sempre ter muito cuidado na forma de conduzirmos a nossa vida, pois todos os nossos atos,  as nossas palavras, os nossos pensamentos geram ações que refletem instantaneamente em outro ser, membro. Por exemplo, quando um homem mente para sua esposa, e comete adultério; os seus atos abomináveis refletem em todos membros do núcleo familiar, inclusive os seus rebentos, ocasionando uma sequência de sofrimentos que nem podemos aquilatar-- desentendimentos, iras, e um provável distanciamento, perda de confiança, podendo culminar em divórcio.
 
Sempre devemos almejar crescer em entendimento, em santidade, em amor e em verdade, principalmente quando interagimos com o nosso próximo-- um só corpo harmonioso, ajustado e bem ligado uns aos outros; refletindo a imagem e semelhança de Cristo.
 
Antes, seguindo a verdade em amor, cresçamos em tudo naquele que é a cabeça, Cristo,

Do qual todo o corpo, bem ajustado, e ligado pelo auxílio de todas as juntas, segundo a justa operação de cada parte, faz o aumento do corpo, para sua edificação em amor.

Por isso deixai a mentira, e falai a verdade cada um com o seu próximo; porque somos membros uns dos outros. Efésios 4:15-16,25
 
Se quisermos nutrir e nos deleitarmos com a paz que excede todo entendimento, a paz de Deus, devemos dominar os nossos corações enganosos, trazendo cativo os nossos pensamentos em retidão e honradez, e evitarmos magoarmos o nosso semelhante; membro que somos ligados intimamente em amor. Agindo assim, seremos  precavidos (as), sábios(as), tementes, e gratos(as), por fazermos parte da família de Deus, membros honrados do corpo em Cristo. Efésios 5:30; Colossenses 3:15
 
Aprecio muito um pensamento de  John Donne que nos legou uma preciosa verdade:
 
Nenhum homem é uma ilha isolada; cada homem é uma partícula do continente, uma parte da terra; se um torrão é arrastado para o mar, a Europa fica diminuída, como se fosse um promontório, como se fosse a casa dos teus amigos ou a tua própria; a morte de qualquer homem diminui-me, porque sou parte do gênero humano. E por isso não perguntes por quem os sinos dobram; eles dobram por ti”.
 
Sendo assim não podemos ter a terrível ilusão que podemos viver desgrenhadamente sem afetarmos uns aos outros; um homem que dirige embriagado e em alta velocidade pode  provocar um acidente ocasionando vítimas de sua imprudência. E o que semearmos, com certeza, ceifaremos,  e daremos  conta das nossas insanidades, que afetaram e lesaram outras pessoas; ocasionando a queda, o sofrimento de outro membro, onde ambos deviam estar operando harmoniosamente em amor e em edificação-- um só corpo em Cristo!
 
Na junção dos nossos rostos, na humanidade dos nossos braços abarcados, somos um só corpo, coração pulsante, num mesmo objetivo: ser um povo digno de alegrar o Seu criador.
 
O Espírito Santo se esmera em moldar, unificar, aprimorar a arte inacabada, um povo, a imagem e semelhança de Cristo!
 
 
 
SOMOS UM SÓ CORPO
 
 
 
 
 
 
 

sábado, 22 de março de 2014

EU VOU FICAR LOUCA!




Ontem eu fui ao médico, e mesmo saindo com muita antecedência, tive de enfrentar inúmeros engarrafamentos, inclusive uma manifestação dos moradores de um local;  por pouco não perdi o horário da consulta. E fora outros inconvenientes sofridos, a quem se predispõe a utilizar o transporte público, pois o ônibus estava muito cheio, ocasionando assim, mais impaciências e murmurações dos seus usuários.
 
E quando ônibus parou no transbordo da rodoviária, uma mulher com um bebê nos braços indagou o motorista ''se esse ônibus passava num determinado bairro?'';  e por mais que ele dissesse que sim, ela não decidia o quê fazer, ao ponto do motorista indagá-la ''se ela ia ou não  subir no ônibus?''; e ela retrucou que ele esperasse pois alguém que estava com ela iria perguntar mais informações ao cobrador sobre o itinerário do ônibus. E calmamente o motorista esperou, mas quando ela subiu os degraus do ônibus, ela proferiu bem alto para que todos ouvissem: ''Se eu pegar o ônibus errado, eu vou ficar louca!''
 
Fiquei totalmente estarrecida com as palavras dessa mulher que estava com um filho tão pequeno e proferiu uma maldição pra sua vida, e como consequência afetando ao seu rebento inocente. Ela estava proferindo a sua própria sentença, condenação.
 
Está escrito na Palavra de Deus:
 
Mas eu vos digo que de toda a palavra ociosa que os homens disserem hão de dar conta no dia do juízo.

 Porque por tuas palavras serás justificado, e por tuas palavras serás condenado. Mateus 12:36-37
 
Como o ônibus estava muito cheio não tive mais oportunidade de vê-la, nem ouvi-la proferir algo mais; mas durante todo o  percurso fiquei pensando sobre as suas palavras; e sei que foi a ação poderosa do Espírito Santo que me fez relembrar de um acontecimento que ocorreu comigo algum tempo atrás...Precisamente no Dia das Mães que eu tinha saído para almoçar com meu filho, minha nora e um amigo que tinha chegado do outro estado, e eu queria que  ele compartilhasse conosco esse momento de confraternização, e também queria apresentá-lo aos meus familiares. Mas houve um inconveniente o restaurante que escolhemos estava muito cheio, inclusive tinha se formado uma fila para dar acesso a ele;  sendo assim meu filho nos sugeriu que ficássemos, eu e meu amigo, esperando  num barzinho ao lado do restaurante,  pois poderíamos sentar em uma mesa e conversar.
 
Estava tão alegre na companhia desse amigo, uma pessoa por quem nutria muito afeto e amizade, e começamos a conversar que nem percebemos o tempo passar;  mas  durante a conversa, ele sorrindo proferiu, por sua própria vontade, palavras impensadas; naquele momento tão especial pra mim, eu não quis exortá-lo. Pois as palavras  proferidas amaldiçoavam a nossa amizade e até o nosso futuro relacionamento.
 
Ontem relembrando nitidamente esses momentos, percebi que não tive a sabedoria de advertir duramente meu amigo; e perdi a oportunidade de fazê-lo se arrepender,  e orarmos a respeito do que ele proferiu. Assim como o Senhor Jesus fez quando conversou, com seus discípulos, o quê iria em breve acontecer com Ele, a concretização do Seu maior propósito de vida, ir a Jerusalém, padecer de muitas afrontas, sendo condenado, açoitado, escarnecido, crucificado, morto e a ressuscitar ao terceiro dia. E Pedro o retrucou não entendendo o objetivo crucial da Sua grandiosa missão-- o amor que incondicionalmente seria revelado estrondosamente na Cruz do Calvário-- Ele sendo imolado, Seu sangue precioso derramado para que tivéssemos vida, vida eterna.
 
E Pedro, tomando-o de parte, começou a repreendê-lo, dizendo: Senhor, tem compaixão de ti; de modo nenhum te acontecerá isso.

Ele, porém, voltando-se, disse a Pedro: Para trás de mim, Satanás, que me serves de escândalo; porque não compreendes as coisas que são de Deus, mas só as que são dos homens. Mateus 16:22-23
 
O Senhor Jesus já os tinha exortado antes sobre o poder das palavras, que elas trazem espírito e vida; assim como Ele sempre os doou e os legou incansavelmente durante toda a sua jornada; querendo que os seus seguidores proferissem as mesmas palavras fartamente. João 6:63
 
O apóstolo Tiago também alertou sobre as iniquidades que podemos proferir através das nossas palavras, o quanto devemos vigiar, orar e antes de falar, pois através das nossas palavras podemos amaldiçoar a nós próprios e ao nosso próximo. Que é um  contraste gritante bendizer a Deus e amaldiçoar alguém com os nossos ímprobos pronunciados intempestivamente. Tiago 3:1-12
 
E Ele continua alertando que fomos criados pela palavra proferida, a palavra da verdade; que fossemos como primícias das suas criaturas. Tiago 1:19. E também que não devemos nos enganar, quem não refreia a língua, o que fala, engana o seu coração e a religião que professa é vã. Pois não muda o seu modo de ser, nem o seu modo de agir, nem o seu modo de falar e  nem o seu modo de se relacionar com as pessoas. Tiago 1:26 
 
O apóstolo Paulo continua testificando e exemplificando com seu testemunho essa preciosa verdade e  cumprindo a determinação do Seu amado Pastor.
 
A vossa palavra seja sempre agradável, temperada com sal, para que saibais como vos convém responder a cada um. Colossenses 4:6

E tantos outros versículos que nos alertam a ter maestria ao proferir palavras para nós, para as nossas vidas e para as vidas dos nossos entes amados, e inclusive para a vida do nosso próximo tão próximo ou ainda tão desconhecido. Esses versículos nos advertem, que muitas vezes, é melhor ficar em silêncio; e não pecar através dos nossos lábios, palavras irremediavelmente proferidas que decretam maldições pra si mesmo, para o próximo; magoando, difamando, sendo algoz de outro ser. Provérbios 12:25; 15:23, 26; 25:11; 29:19-20.

O rei Salomão, com muita sabedoria, nos adverte que não devemos ser tolos e sim precavidos diante de Deus, para não ofendê-Lo através das nossas palavras e  das nossas murmurações, provocando a Sua ira e o Seu repúdio contra nós. Eclesiastes 5:2-3

Cuidado, com o manejo das palavras, pois através delas, palavras proferidas, impreterivelmente revelamos o espírito (o espírito do engano ou o Espírito Santo) que abrigamos dentro de nós; o senhor (o SENHOR), a quem reclinamos, reverenciamos e servimos; e se estamos operando na carne ou no espírito. Se somos loucos(as) e insensatos(as) ou somos sábios(as) e tementes a Deus.

Sois vós tão insensatos que, tendo começado pelo Espírito, acabeis agora pela carne? Gálatas 3:3



 



 
 
 
 
 
 
 
 
 
 







COMO A UM NINHO




Recentemente minha filha andando na área interna do nosso condomínio encontrou um ninho de passarinho no chão, e ficou encantada com a perfeição dele e o trouxe para casa, inclusive o fotografando,  e também para que eu o contemplasse. E fiquei o observando atentamente, como ele era singelo e tão belo. E imagino quanto o passarinho deve ter sido perseverante, em voar várias vezes, indo em busca  dos elementos necessários  e fartamente disponíveis na natureza (folhas, galhos, lixos produzidos pelo homem) no seu bico, tendo em vista um único objetivo-- construir e concluir a sua magistral obra, ninho, que daria abrigo aos seus filhotes e a si mesmo.

E o mais interessante é que a maioria das aves se predispõem instintivamente a construírem os seus ninhos; elas sempre obedecem aos apelos do Seu Criador, que as criou conforme os Seus propósitos,  entre eles,  as construções dos seus ninhos, para a proteção, a segurança e a preservação de sua espécie.

Ou se remonta a águia ao teu mandado, e põe no alto o seu ninho? Jó 39:27

Ali se aninhará a coruja e porá os seus ovos, e tirará os seus filhotes, e os recolherá debaixo da sua sombra; também ali os abutres se ajuntarão uns com os outros. Isaías 34:15

Na Bíblia Sagrada, a palavra ninho é descrita, muitas vezes, através de inúmeras metáforas, como por exemplos, o ninho sendo um abrigo para o homem nos momentos de aflições, sofrimentos;  também quando ele se encontra longe da sua morada segura, da proteção de Deus, bem distante da Sua vontade soberana.

E dizia: No meu ninho expirarei, e multiplicarei os meus dias como a areia. Jó 29:18

Qual a ave que vagueia longe do seu ninho, tal é o homem que anda vagueando longe da sua morada. Provérbios 27:8

Outras vezes, a palavra ninho é utilizada para indicar as soberbas dos opressores e dos inimigos do povo de Deus; que pensavam que os seus ninhos (riquezas, conhecimentos, armamentos, animais), os protegeriam da ira de Deus e das terríveis maldições que recairiam sobre eles. Que eles seriam enxotados, lançados fora dos seus ninhos, exterminados.

E vendo os quenitas, proferiu a sua parábola, e disse: Firme está a tua habitação, e puseste o teu ninho na penha.

Todavia o quenita será consumido, até que Assur te leve por prisioneiro. Números 24:21-22

E achou a minha mão as riquezas dos povos como a um ninho, e como se ajuntam os ovos abandonados, assim eu ajuntei a toda a terra, e não houve quem movesse a asa, ou abrisse a boca, ou murmurasse. Isaías 10:14

De outro modo sucederá que serão as filhas de Moabe junto aos vaus de Arnom como o pássaro vagueante, lançado fora do ninho. Isaías 16:2
 
A soberba do teu coração te enganou, como o que habita nas fendas das rochas, na sua alta morada, que diz no seu coração: Quem me derrubará em terra?

Se te elevares como águia, e puseres o teu ninho entre as estrelas, dali te derrubarei, diz o Senhor. Obadias 1:3-4

O Senhor também citou a palavra ninho dizendo que as aves tinham os seus ninhos, locais de abrigos e repousos, e Ele não tinha um local onde reclinar a cabeça e descansar. Mateus 8:20
 
Lendo inúmeros versículos sobre esse tema percebo que Deus é o nosso ninho, maior abrigo;  na Sua  santa benigna presença sempre encontraremos, tudo que mais necessitamos, provisão, proteção, direção, amor, zelo e cuidado necessário, para nossa sobrevivência e transcendência. Ele nos livra de todas as investidas dos nossos predadores, inimigos. E nos faz habitar, em paz e em segurança, nas alturas; nos capacitando a alçar voos deleitosos por toda eternidade.
 
Como a águia desperta a sua ninhada, move-se sobre os seus filhos, estende as suas asas, toma-os, e os leva sobre as suas asas,

Assim só o Senhor o guiou; e não havia com ele deus estranho. Deuteronômio 32:11-12
 
Até o pardal encontrou casa, e a andorinha ninho para si, onde ponha seus filhos, até mesmo nos teus altares, Senhor dos Exércitos, Rei meu e Deus meu. Salmos 84:3











 






sexta-feira, 14 de março de 2014

ISAÍAS 58 PARA HOJE!

 
 
ISAÍAS 58 PARA HOJE!



Abre bem a tua boca e fala ao meu povo as Minhas palavras. Não te detenhas por nada, usa todos os meios que puderes para anunciar-lhes as suas transgressões; diga a minha Igreja o que Eu quero que eles ouçam. Não tenhas medo do que irão dizer ou pensar de você.
 
Mesmo tendo consciência da hipocrisia em que vivem, ainda assim dia a dia vivem expondo Minha Palavra aos outros como se somente os outros é que precisassem ouvi-la. Eles continuam chegando dia a dia se reunindo para me adorar, mas na verdade estão apenas buscando as coisas que lhe interessam.
 
Vivem jejuando, pulando e marchando e dizem que estão em busca de avivamento, quando tudo que desejam é apenas fama, bens, prosperidade e saúde para viver nessa terra. E quando não recebem o que querem, questionam e duvidam do Meu amor. Vocês vivem oprimindo o Meu povo fazendo de tudo para retirar deles cada centavo, apenas para que seus projetos pessoais possam ser satisfeitos.
 
No dia em que se reúnem para jejuar, marchar ou fazer seus atos proféticos, tudo o que eles querem é ser reconhecidos pelos homens. Eles não estão preocupados com a exaltação do Meu Nome, mas sim com o reconhecimento das suas igrejas.
 
Eles jejuam, programam show, marcham e fazem seus “decretos” apenas para competirem uns com os outros; estão preocupados em ter a maior igreja e ver seus nomes estampados nos meios de comunicação. Se continuarem a agir dessa forma, nunca irei lhes atender os clamores.
 
Será que vocês pensam que Eu não conheço o coração de vocês? Vocês se esquecem de que fui Eu quem os formei? Vocês fazem longas vigílias, retiros e encontros, mas quando voltam para suas casas continuam fazendo as mesmas coisas que Eu odeio. Acham mesmo que Eu vou levar em conta àquelas lágrimas que são fruto apenas das emoções de vocês? Acham que Eu ligo para seus gritos ou seu cabelo raspado? Vocês tem coragem de chamar isso de consagração?
 
Vocês conhecem a Minha palavra, e sabem que o que eu quero não são dias sem comer e sem beber; não, não é isso que vai mover a Minha mão. O que move a minha mão é o quebrantamento sincero de seus corações. De que me adianta seus shows e rituais se vocês continuam agindo como um povo que não me conhece de verdade?
 
O que Eu quero de vocês é que libertem de verdade as pessoas do jugo, mas o que vocês tem feito é colocar sobre essas pessoas fardos tão ou mais pesados do que aqueles que elas tinham antes de Me conhecer.
 
Vocês querem que as pessoas deixem o mundo, mas fazem-nas viver no mundo que criaram em suas igrejas. Tornam as pessoas escravas das suas programações e as oprimem de medo caso elas não obedeçam a suas ordens.
 
Quando vocês se derem conta do que realmente Eu quero, aí sim vocês verão o que Eu posso fazer. Vocês irão parar de competir para ver quem reúne mais pessoas, ou quem tem o templo mais bonito.
 
Quando vocês Me conhecerem de verdade, aí verão que tudo aquilo que hoje chamam de avivamento não passa de emocionalismo barato e sem sentido. Vocês verão os verdadeiros prodígios que Eu posso e desejo fazer entre vós.
 
Então sim, vocês clamarão e os mortos ressuscitarão; vocês orarão e os enfermos serão curados, os cegos voltarão a enxergar e os paralíticos finalmente andarão. Mas para isso vocês terão de parar com todos os artifícios carnais que tem usado.
 
Parem de tentar enganar o Meu povo com falsos endemonhiados, com manifestações bizarras, e com falsas promessas de prosperidade. Entendam de uma vez por todas que eu odeio quando vocês ensinam as pessoas a tentarem barganhar comigo. Parem de extorquir meu povo usando suas mentiras.
 
Quando tudo que desejarem de verdade for a glória do Meu nome, então sim Eu os ouvirei e virei depressa em resposta aos seus clamores. Eu os guiarei de verdade através da Minha palavra, e vocês terão certeza de que Eu, o Senhor, é quem os está guiando. Curarei vossas enfermidades e os abençoarei com tudo que precisam para continuarem vivendo nessa terra até o dia em que Eu os reunir para estarem junto de Mim.
 
Tu e teus filhos serão uma bênção, e farei com que vossas famílias sejam alvo das Minhas bênçãos, e todas as vossas gerações serão abençoadas.

Mas para isso, parem de exigir que as pessoas façam aquilo que é do vosso interesse. Deixem as pessoas livres para que elas possam Me adorar de verdade. Parem de assustar as pessoas dizendo que se elas não frequentarem seus ajuntamentos elas não serão abençoadas. Muitas deixaram de se reunir com vocês justamente por causa dos fardos que vocês lhes impuseram.
 
Parem de perder tempo falando o que o povo quer ouvir. É tempo de o povo ouvir o que Eu, o Senhor, quero lhes dizer. São as Minhas palavras que trarão vida ao povo e não os vossos discursos motivacionais. São estas as Minhas palavras que hoje te ordeno, e se deres ouvidos a elas tu te deleitarás em Mim.
 
 
Pr. Sérgio Müller
Joinville - SC
 
 
 
 
''Meu irmão, sei que a honra não vem de homens, a honra  deve vir inexoravelmente de Deus; mas eu te aplaudo  de pé nessa manhã magistral e abençoada; clamo e agradeço ao Senhor pela  estupenda ação do Espírito Santo e a unção derramada sobre ti e teu ministério, para você ter a coragem de escrever tais palavras repletas de verdade e de sabedoria do Alto.
 
Lendo e relendo a sua mensagem me lembrei das determinações de Deus ao profeta Jeremias que ele ficasse na porta da Casa do SENHOR, e proclamasse, assim como você, meu irmão, as hipocrisias, os disfarces, os desmandos e os maus caminhos do seu povo; agora imagine a situação você indo assistir um culto e invés ouvir palavras que enaltecessem o seu ego, ou proferissem bênçãos sem medidas sobre a tua vida; você  fosse desmascarado, descoberto as suas vergonhas e as expostas abertamente; e você fosse exortando duramente das suas iniquidades, e o pior, sendo dirigidas aos membros do templo, os seu ritos recheados de mentiras, bem longe de agradar a Deus; como se o templo (espaço físico) os protegesse das iniquidades praticadas, das suas encenações, caricaturas de verdadeiros cristãos.
 
Por favor, releia Jeremias todo o capítulo 7 e perceba a veracidade das palavras do profeta obediente e temente a Deus, que retratam e decadência moral e espiritual  de ditos cristãos e religiosos, como temos visto atualmente em várias igrejas, cegos guiando cegos, todos caminhando, a passos largos, para o abismo sem fim, eternidade longe de Deus.
 
Homens, mulheres, amantes de si mesmos, sem serem verdadeiros(as) adoradores (as), amigos (as) de Deus!

Gostaria de te pedir autorização para divulgar as suas palavras no meu blog e no Google; sem mais, da sua irmã em Cristo. E quero que saiba que suas palavras poderiam ser as minhas, pois tem todo meu apoio, anuência e repúdio, aos que agem, como você descreveu tão brilhantemente. Graça e paz multiplicadas''.
 
A palavra que da parte do SENHOR, veio a Jeremias, dizendo:

Põe-te à porta da casa do Senhor, e proclama ali esta palavra, e dize: Ouvi a palavra do Senhor, todos de Judá, os que entrais por estas portas, para adorardes ao Senhor.

Assim diz o Senhor dos Exércitos, o Deus de Israel: Melhorai os vossos caminhos e as vossas obras, e vos farei habitar neste lugar.

Não vos fieis em palavras falsas, dizendo: Templo do Senhor, templo do Senhor, templo do Senhor é este.

Mas, se deveras melhorardes os vossos caminhos e as vossas obras; se deveras praticardes o juízo entre um homem e o seu próximo. Jeremias 7:1-5
 

(Servamara)
 
 
 
 
 

UM CONVITE




Quando eu era criança amava receber convites de aniversários de minhas amiguinhas; também tinha a maior satisfação que meus pais enviassem convites dos meus aniversários para elas; na minha adolescência e maturidade continuei apreciando receber convites, convites de formaturas, convites de casamentos, convites de eventos culturais, convites de inaugurações, convites de palestras, e eu sendo lembrada pelos amigos, pelas entidades que eu tinha algum envolvimento profissional.
 
E hoje, nesta manhã,  fiquei pensando em convites que são feitos através de outros meios, como por exemplos através de uma simples ligação, ou envio de um torpedo, ou também através de e-mails, ou pessoalmente, olho no olho, que nos sentimos impactados pela presença persuasiva da pessoa que nos convida.
 
Continuei pensando que são incalculáveis os convites que são feitos a nós-- dia após dia-- é uma amiga que liga nos convidando a um passeio, a um lugar determinado, a praia, a viajar; ou então nos convida para acompanhá-la a um exame específico, no qual ela vai  precisar da nossa companhia e ajuda,  pois vai tomar um sedativo; e não podemos dizer não a um convite assim; pois em pequenos gestos que demonstramos o nosso zelo e a nossa amizade por ela.
 
Enfim, na vida, somos constantemente convidados e convidamos; mas nunca devemos fazer um convite a alguém, esperando retribuições ou recíprocas; como por exemplo, eu te convido para jantar e espero que você não se esqueça de me convidar para jantar contigo.
 
O Senhor Jesus teve a inigualável sensibilidade de abordar sobre esse tema, nos legando preciosos ensinamentos, entre eles um deveras inusitado, que não devemos convidar amigos, conhecidos, parentes, irmãos, e sim devemos convidar pessoas desconhecidas que não tenham meios de nos retribuir o convite;  os nossos convidados devem ser os desvalidos, os rejeitados pela nossa sociedade, que tanto preza as riquezas, as pompas, as posses, as retribuições, os aplausos e os flashes sobre si,  sobre suas conquistas e suas maiores realizações. Que os nossos convites não devem ser trocas de favores, de regalias; e sim, um desprendimento verdadeiro de receber, acolher, servir, visando valores espirituais que se perpetuam por toda eternidade.
 
Assim como o nosso Pai, nos chamou gratuitamente para gozar de todos benesses do Seu reinado sem fim.
 
E dizia também ao que o tinha convidado: Quando deres um jantar, ou uma ceia, não chames os teus amigos, nem os teus irmãos, nem os teus parentes, nem vizinhos ricos, para que não suceda que também eles te tornem a convidar, e te seja isso recompensado.

 Mas, quando fizeres convite, chama os pobres, aleijados, mancos e cegos,

 E serás bem-aventurado; porque eles não têm com que to recompensar; mas recompensado te será na ressurreição dos justos. Lucas 14:12-14
 
E como seria uma socialyte convidando moradores de rua para uma festa na sua mansão, que escândalo seria?  Com certeza ela seria execrada pelos seus ''ditos amigos'', pela imprensa, pela mídia, pela sociedade.
 
O Senhor continuou exortando seus discípulos quando eles fossem convidados para um evento, para uma festa ou um culto religioso, não procurassem se assentar na frente, para ser observado, para ser destacado, almejando chamar a atenção de quem o convidou e sim procurasse agir discretamente, se assentar entre os derradeiros; para que a pessoa que o convidou o visse e o chamasse para  se assentar ao seu lado;  Ele quis abordar  sobre a humildade, que devemos deixar de lado a soberba, a vontade de sempre se sobressair e receber honras alheias; e também de representar, agir para se mostrar, aparentando o que não somos verdadeiramente.
 
O Senhor Jesus através dessa parábola os exorta e nos exorta que devemos ser humildes, servir, dispensar as honrarias mundanas e sim exaltar valores espirituais e eternos; quem nos convida é Deus, através do Seu Filho amado, e um dia seremos exaltados por Ele, desde que nos mantenhamos humildes, servos(as), visando o porvir; dispensando completamente as honras de meros homens e mulheres, por mais,  que tenham posses, conhecimentos, projeções na sociedade que possam nos beneficiar, exaltar; na maioria das vezes nos afastando totalmente de Cristo., e servindo ao outro senhor. Lucas 14:8-11
 
Quando convidamos os nossos amigos e eles não aceitam os nossos convites,  nos sentimos tristes e desapontados; principalmente por perceber a verdade através das inúmeras desculpas proferidas por eles; ; assim como o nosso Maior Anfitrião quando nos convida para participar do Seu reinado, e sermos Seus filhos diletos, Suas filhas amada; e nós recusamos ao Seu convite, O desprezando e rejeitando completamente o Seu amor e a salvação; pois essas pessoas não serão mais convidadas, e terão de arcar com suas más escolhas por toda eternidade. Lucas 14:15-24
 
Continuo pensando e escrevo...Podemos nutrir uma afeição por alguém e convidá-la para participar do nosso chamado?
 
Estaríamos a beneficiando ou a prejudicando? Estaríamos agindo na carne, por maior que seja a nossa boa intenção?
 
Pois muitas vezes no afã de agradar um amigo dizemos sim, também na carne, e começamos uma jornada, sem ter a unção do Espírito Santo, e mesmo que aparentemente pensemos que estamos servindo e agradando a Deus com nossas obras; não estamos, e no porvir, poderemos dar conta da nossa afobação e precipitação.
 
Creio que devemos ter sabedoria do Alto, e orarmos muito, antes de fazermos convites as pessoas, principalmente quando a convidamos para participar de nossa chamada, não da outra pessoa; pois cada pessoa é individualmente chamada, como o Senhor Jesus abordou na Parábola da grande Ceia (assim como não esquecemos dos nossos amigos, individualmente, cada um, para convidá-los para as comemorações dos nossos aniversários, formaturas, casamentos, etc). E cada um dirá sim ou não ao Seu apelo e ao Seu convite, dando conta da sua recusa, desculpa; mas também do seu sim, e do seu desprendimento e da sua rendição e doação ao Seu amor.
 
Seja sendo apto para ensinar;  seja  sendo apto para exortar;  seja sendo apto para ser missionário; seja sendo apto para ser pastor; seja sendo apta, como Maria, para ter a sabedoria de se aquietar e ouvir, se assentando  aos pés do Mestre; seja sendo apta ao serviço laborioso, como Marta; seja sendo apto para ser como Baruque, humilde, e ser apenas, e restritamente um escrivão que transcreve as palavras ditadas por um profeta, Jeremias, que também profere incansavelmente a ele, seu fiel amigo, o que ouviu diretamente de Deus; para ser compartilhado e ouvido por seu povo.
 
Diferentes dons agraciados gratuitamente pelo Espírito Santo conforme a perfeita e vontade soberana de Deus.
 
Cada um administre aos outros o dom como o recebeu, como bons despenseiros da multiforme graça de Deus. 1 Pedro 4:10
 
Eu te convido...?
 
Vamos?
 
Vamos contritos, de joelhos, clamarmos ao Senhor que seja revelado ao nosso próximo como ele através dos dons agraciados pode servir e agradar a Deus;  e acima de tudo seja a nossa vontade esmagada, a nossa carne seja subjugada e a vontade soberana de Deus seja divulgada amplamente independentemente de nós, da força dos nossos braços!
 
Admoesto-te, pois, antes de tudo, que se façam deprecações, orações, intercessões, e ações de graças, por todos os homens;

Pelos reis, e por todos os que estão em eminência, para que tenhamos uma vida quieta e sossegada, em toda a piedade e honestidade;

Porque isto é bom e agradável diante de Deus nosso Salvador,

Que quer que todos os homens se salvem, e venham ao conhecimento da verdade. 1 Timóteo 2:1-4
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 


terça-feira, 11 de março de 2014

MEMÓRIAS ETERNAS





Algumas vezes quando eu era criança acordava assustada pois sonhava que meus pais tinham morrido; chegava a chorar e soluçar no sonho, e mesmo acordada ainda sentia aquela sensação de tristeza e perda,  só de imaginar que algum dia eles não estariam mais ao meu lado.
 
Mas cresci, amadureci, tive filhos, e quando meus pais morreram,  tive força, resignação e aceitação de  conviver com essa dura realidade de perdermos os nossos entes amados; eles se foram,  mas dentro de mim permanece as recordações dos momentos vividos, as nossas alegrias, as tristezas compartilhadas; enfim eu nutro, com muito carinho, memórias eternas dos meus pais e também dos outros entes amados.
 
E ontem, de noite, continuei pensando sobre esse assunto tão vasto e instigante que nos traz recordações do nosso passado;  e sempre que amamos alguém eternizamos essa pessoa dentro de nós e almejamos que a recíproca seja verdadeira, e que ambas tenhamos memórias eternas uma da outra; creio que continuamos a existir, mesmo já mortos, quando outras pessoas nos perpetuam através das  suas memórias; assim como eu as nutro por meus pais.
 
E fui buscar alento na Bíblia, onde encontrei um manancial para eu me deleitar; inúmeros versículos abordam esse tema;  e neles,  eu comprovei e testifiquei os meus pensamentos,  que os justos jamais serão abalados e esquecidos por Deus;  e nem tampouco os seus graciosos gestos e   as boas ações praticadas.
 
A memória do justo é abençoada, mas o nome dos perversos apodrecerá. Provérbios 10:7
 
Porque nunca será abalado; o justo estará em memória eterna. Salmos 112:6
 
Ora, derramando ela este ungüento sobre o meu corpo, fê-lo preparando-me para o meu sepultamento.

Em verdade vos digo que, onde quer que este evangelho for pregado em todo o mundo, também será referido o que ela fez, para memória sua. Mateus 26:12-13
 
Este, quase à hora nona do dia, viu claramente numa visão um anjo de Deus, que se dirigia para ele e dizia: Cornélio.

O qual, fixando os olhos nele, e muito atemorizado, disse: Que é, Senhor? E disse-lhe: As tuas orações e as tuas esmolas têm subido para memória diante de Deus; Atos 10:3-4

Entretanto as Palavras de Deus também revelam que os ímpios serão esquecidos por Ele; e que suas existências serão desarraigadas da terra e também o Senhor não os terá na memória, riscando os seus nomes do Livro da Vida.
 
Então disse o Senhor a Moisés: Escreve isto para memória num livro, e relata-o aos ouvidos de Josué; que eu totalmente hei de riscar a memória de Amaleque de debaixo dos céus. Êxodos 17:4

Eu disse: Por todos os cantos os espalharei; farei cessar a sua memória dentre os homens, Deuteronômio 32:26
 
Esteja na memória do Senhor a iniqüidade de seus pais, e não se apague o pecado de sua mãe.

Antes estejam sempre perante o Senhor, para que faça desaparecer a sua memória da terra. Salmos 109:14-15
 
A sua memória perecerá da terra, e pelas praças não terá nome.

Da luz o lançarão nas trevas, e afugentá-lo-ão do mundo.  Jó 18:17-18
 
Assim como almejamos que os nossos entes amados nos tenham em perpétua memória; o Senhor também almeja o mesmo de nós; que tenhamos sempre na nossa memória os Seus feitos, sinais e maravilhas, as Suas inesgotáveis benignidades, as Suas palavras e os Seus santos desígnios; o temor e o respeito ao Seu grandioso nome; sempre O honrando, O obedecendo, sendo fiéis as Suas memórias que devem estar fincadas dentro de nós por todo o porvir. Êxodos 20:24, 28:12, 30:16, 39:7;
 
Mas tu, Senhor, permanecerás para sempre, a tua memória de geração em geração. Salmos 102:12
 
O teu nome, ó Senhor, dura perpetuamente, e a tua memória, ó Senhor, de geração em geração. Salmos 135:13
 
Também no caminho dos teus juízos, Senhor, te esperamos; no teu nome e na tua memória está o desejo da nossa alma. Isaías 26:8
 
E o Senhor Jesus quando esteve entre  Seu povo e  Seus amados discípulos os instruiu que celebrassem a Santa Ceia em memória ao Seu corpo e ao Seu sangue, quando a celebramos perpetuamos o Seu grandioso amor e sacrifício por nós; e sempre estamos comungando com Ele, a Sua existência, memória eterna, dentro de nós; carne da nossa carne, sangue do nosso sangue; numa união e celebração que jamais terá fim!
 
E, tomando o pão, e havendo dado graças, partiu-o, e deu-lho, dizendo: Isto é o meu corpo, que por vós é dado; fazei isto em memória de mim.

Semelhantemente, tomou o cálice, depois da ceia, dizendo: Este cálice é o novo testamento no meu sangue, que é derramado por vós. Lucas 22:19-20
 
E, tendo dado graças, o partiu e disse: Tomai, comei; isto é o meu corpo que é partido por vós; fazei isto em memória de mim.

Semelhantemente também, depois de cear, tomou o cálice, dizendo: Este cálice é o novo testamento no meu sangue; fazei isto, todas as vezes que beberdes, em memória de mim. 1 Coríntios 11:24-25
 
E continuando a minha leitura tão edificante tenho a maior alegria de perceber o amor e o carinho que o nosso Pai nutre por nós; assim como nós nutrimos por nossos (as) filhos(as) que tiramos fotos deles (as) e as guardamos em álbuns e também registramos os momentos que vivemos ao seu lado, inclusive anotando, passo a passo,  o desenvolvimento e o progresso do nosso rebento; o Senhor age do mesmo jeito conosco nutrindo, colecionando, guardando e registrando todos os nossos passos, as nossas ações, os nossos sentimentos-- eternas memórias-- através de um memorial que está diante dEle, hoje, amanhã e sempre!
 
Eu me regozijo com essa dádiva, que eu seja  uma filha digna de merecer tamanha honra, amor, apreço, cuidado; almejando legá-Lo boas e inesquecíveis memórias ao meu respeito.
 
Então aqueles que temeram ao Senhor falaram freqüentemente um ao outro; e o Senhor atentou e ouviu; e um memorial foi escrito diante dele, para os que temeram o Senhor, e para os que se lembraram do seu nome.

E eles serão meus, diz o Senhor dos Exércitos; naquele dia serão para mim jóias; poupá-los-ei, como um homem poupa a seu filho, que o serve. Malaquias 3:16-17
 
 












sexta-feira, 7 de março de 2014

MIRANDO AS COISAS ATRAVÉS DOS OLHOS DE CRISTO




Faltam  poucos dias para terminar o verão e, das nossas férias, só restam apenas recordações na memória, as belas fotos tiradas dos momentos prazerosos, da bela natureza que te convida a descansar, relaxar e se extasiar com as dádivas gratuitamente ofertadas; e todos nós quando tiramos fotos sempre almejamos captar o melhor momento, o melhor ângulo das pessoas, as paisagens mais belas.
 
Creio que muitos turistas que visitaram o Rio de Janeiro recentemente ficaram frustrados em virtude dos lixos acumulando pelas ruas, onde quer que eles estivessem, e esse ocorrido da greve dos garis, com certeza também atrapalhou quando eles quiseram tirar algumas fotos dos pontos turísticos da cidade, pois sempre os lixos destoavam da bela paisagem ao seu redor.
 
Mas o tema que eu quero abordar é sobre a nossa mente o que pensamos e nos deleitamos, pois os nossos olhos são como visores de uma máquina fotográfica, quer dizer eles olham, miram, fotografam e mandam as mensagens (fotografias) para a nossa mente;  por isso é imprescindível termos os olhos puros,  lavados no sangue do Cordeiro,  que não desagrade ao Senhor e não pequemos contra a  Sua santidade através de olhares cobiçosos, maldosos, cheios de adultérios; assim como agiu o servo justo e temente Jó que fez um pacto consigo próprio,  pois ele sabia que toda iniquidade começa com um simples olhar e que contamina a mente, ocasionando um gesto, uma  ação que gera delito e morte.
 
Fiz aliança com os meus olhos; como, pois, os fixaria numa virgem? Jó 31:1
 
E também para não enviarmos lixo para nossa mente, a contaminando totalmente, a corrompendo, temos que ser sábios sempre pensando em tudo que é verdadeiro, honesto, justo, puro, amável, de boa fama, repleto de virtudes, que seja digno de louvor e não ofenda ao Senhor, nos afastando da nossa comunhão com Ele. Filipenses 4:8
 
E agindo dessa maneira seremos luzes brilhando e irradiando num mundo repleto de trevas; pois teremos as nossas mentes transformadas, purificadas e renovadas através da presença do Espírito Santo que habita dentro de nós.
 
E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus. Romanos 12:2
 
Vivendo num mundo que jaz no mal, mas mirando as coisas através dos Olhos de Cristo, tendo a  Sua mente, conhecendo a  vontade do Pai, querendo  a qualquer custo ou sacrifício agradá-Lo, jamais O desagradando através dos nossos olhares, nem dos nossos pensamentos, nem das nossas atitudes; sempre pensando nas coisas que são do Alto, visando a eternidade ao Seu lado;  nós somos peregrinos (as) (turistas) em terra estrangeira; sendo assim focalizemos o que real, precioso e verdadeiro, eterno, nos deleitando com as pérolas de sabedoria da Palavra de Deus, as Suas promessas e sempre visando o ápice, a volta de Cristo iminente.
 
Porque, quem conheceu a mente do Senhor, para que possa instruí-lo? Mas nós temos a mente de Cristo. 1 Coríntios 2:16
 
Portanto, se já ressuscitastes com Cristo, buscai as coisas que são de cima, onde Cristo está assentado à destra de Deus.

Pensai nas coisas que são de cima, e não nas que são da terra; Colossenses 3:1-2
 
Creio que temos impresso na nossa memória uma fotografia intacta e perfeita do nosso lar, e todos nós sempre estamos em busca de captar o momento perfeito, a paisagem que jamais sofrerá agressões, depredações que a agrida, dilapide ou lixos que a ultraja, denegrida.
 
Que o Senhor nos abra os olhos, como um potente flash, para enxergarmos as grandezas do Seu reinado e da Sua Lei, perfeita vontade;  e nos cegue  a enxergar as miudezas desse reinado decadente  e corrupto do maligno.
 
Abre tu os meus olhos, para que veja as maravilhas da tua lei. Salmos 119:18